Blog

Brasil pula para a 5ª posição no ranking mundial de m-commerce

mcommerce em alta

Transações via smartphone e tablet cresceram rápido no último ano e as previsões são animadoras segundo pesquisa da Adyen

Os resultados do comércio eletrônico brasileiro são cada vez mais animadores. Em 2013, o País representou 61% do mercado de e-commerce da América Latina e será o quinto maior do mundo até o final de 2014. No segmento mobile, as previsões também são otimistas como revela a edição especial brasileira do índice de Pagamentos Móveis da Adyen, empresa especializada em pagamentos para dispositivos móveis.

Do total de transações online feitas por smartphones, o crescimento foi de 2,5% em junho de 2013 para 5,5% em maio de 2014. A participação de todos os pagamentos móveis feitos no Brasil, incluindo tablets, aumentou de 5,4% para 8,7% no último ano. O estudo também revelou que, apesar de o mobile commerce ainda não ser tão desenvolvido por aqui, o canal móvel triplicou o seu número de vendas online no ano passado.

“Uma grande parte desse crescimento é resultado do aumento de número de comerciantes internacionais presente no Brasil com ofertas móveis, sob medida, que levam em conta as características específicas do cenário de pagamentos brasileiro”, diz Jean Christian Mies, vice-presidente sênior da Adyen na América Latina. Mies explica que, historicamente, o mercado internacional enxergava como empecilhos as restrições bancárias, os controles cambiais rígido e as preferências pelas formas de pagamento locais, específicas do Brasil. “Esses fatores traduziram para o cenário internacional que a entrada do mercado brasileiro não era simples”, comenta. 

As fatias do mercado

Sobre as preferências de dispositivos móveis, os iPhones (2,7%) e os smartphones Android (2,7%) são os mais populares entre os brasileiros que costuma realizar transações online. Em seguida, vêm os iPads com 2,6%. Tablets Android detêm uma parcela bem menor, de 0,6% de todas as transações, mostrando poucos sinais de crescimento nos últimos 12 meses.

Para muitos comerciantes que querem ampliar seus negócios na América Latina, o Brasil é uma opção atraente já que se mostrou um dos principais mercados. Em 2013, o País teve um aumento de 28% no setor de varejo virtual. Sem contar que, com uma população de quase 200 milhões de pessoas, 107 milhões de brasileiros são usuários de internet. No segundo semestre de 2013, a estimativa era de que 60 milhões já compra pela web, o que

Para muitos comerciantes que buscam ganhar espaço na América Latina, o Brasil é uma opção atraente por ser um dos principais mercados. Em 2013, o País representou 61% do mercado de e-commerce da América Latina, onde o setor obteve um aumento de 28%. Com uma população de quase 200 milhões de pessoas, o Brasil tem aproximadamente 107 milhões de usuários de internet. Estima-se que havia cerca de 60 milhões de compradores online no segundo semestre de 2013, uma grande oportunidade para quem quer vender tanto pelo computador, quanto pelo celular.

O estudo completo pode ser acessado aqui.

Via E-commerce Brasil com informações Convergência Digital

• Leia as principais notícias de tecnologia

• Entrevistas com os principais especialistas da web

• A opinião sobre os assuntos do momento na internet

Comente