Blog

“Gamefique” seu site

game ft img

A “gameficação” traz elementos de jogos explorados em sites. O método pode ser ótimo para melhorar a Experiência do Usuário e fazer com que visitantes voltem mais vezes

Cada vez mais sites estão usando o poder de envolvimento dos games para conquistar visitantes. A “gameficação” é um conceito que integra mecanismos de jogos a websites ou aplicativos, tudo para fazer com que uma plataforma tradicional fique mais atraente e, muitas vezes, mais divertida. Alguns exemplos que você já deve ter encontrado por aí são bônus escondidos (como easter eggs), contagens regressivas, quiz, informações de status, entre outras.

A estrutura de ações e recompensas também funciona bem para fazer esta ponte entre jogos e sites. Por exemplo, oferecer aos usuários algum tipo de recompensa (pontos, moedas, estrelas, descontos) em troca da realização de alguma tarefa é uma maneira de mantê-los envolvidos e fazer com que retornem à página. Vale lembrar que, é sempre bom saber o que o visitante procura antes de pedir uma tarefa. Uma boa ideia é considerar resultados de testes e análises de comportamento.

Hora do jogo

Antes de incluir elementos de game, entenda que apenas aproveitar a gameficação não garante o sucesso do seu site ou app. Quem quer investir no método precisa se preparar para pensar mais no design geral, já que muitas vezes usar recursos de jogos exige mais detalhes. Somente encher um site de elementos pode complicar (e muito) o funcionamento e a navegação.

Mas quando tudo é feito com um planejamento correto e navegação em mente, o uso de traços de games pode ser um ponto decisivo na fidelidade do usuário. Fique atento a alguns pontos antes de implementar funções de jogos:

1. Pergunte a si mesmo: “Isto vai mesmo beneficiar o usuário?” e “Isso será mesmo divertido?”

2. Procure conciliar os objetivos do projeto com a gameficação. Se você implementar esse tipo de recurso sem necessidade, esse elementos podem se transformar apenas em acessórios desnecessário.

3. Entenda o público-alvo. Saber como o usuário se comporta e o que procura e espera do seu site é uma boa forma de planejar onde podem servir os recursos de game.

4. Use a diversão com moderação! Use a gameficação para tornar uma tarefa que seria chata em algo mais divertido, como preencher um formulário. Se você usar uma animação mais descontraída, usar um design mais interessante ou oferecer algo em troca realizar esse tipo de ação será algo mais simples para o usuário.

5. Foco na navegação: como já foi dito, prestar atenção no comportamento do usuário pode ser uma boa forma de saber qual a melhor abordagem. Faça testes de usabilidade e tenha certeza de que a navegação e experiência do visitante não será atrapalhada ou ofuscada por algum elemento de game.

Top 3 exemplos

Conheça três sites que usam gameficação para se inspirar:

O microblog Tumblr traz um painel com as novidades separado por conteúdos. A placa de exibição tem animações e controles divertido além de avaliações que vem logo abaixo. Uma boa forma de fazer com que o usuário explore o conteúdo por meio de uma navegação descontraída.

tumblr game

A rede social profissional, LinkedIn, usa uma barra progressiva para mostrar ao usuário quanto falta para ele completar o preenchimento de seu perfil. Isso estimula o visitante a tentar chegar aos 100% de alguma forma.

linkedin game

O aplicativo de aprendizagem de línguas, Duolingo, usa gameficação para aumentar o engajamento dos usuários. Por meio de tarefas a serem cumpridas e moedas o app consegue tornar o aprendizado mais divertido e fazer com que o usuário retorne.

duolingo game

 

 

Comente