Blog

Internet ligeira

fibra ótica

Pesquisadores do Reino Unido conseguiram atingir uma conexão de 1,4 terabits, 1000 vezes mais rápida que o Google Fiber

Conexões ultrarrápidas estão cada vez mais próximas de se tornar realidade. É claro que com a fibra ótica muita velocidade foi conquistada para a internet e hoje já é possível atingir gigabits de velocidade. Agora, pesquisadores do Reino Unido conseguiram ainda mais: uma conexão de 1,4 terabits. A equipe de pesquisas formada pela Alcatel-Lucent e BT garante que a superconexão não tem ajuda de nenhum hardware potente.

A grande diferença é o uso de um novo protocolo chamado Flexigrid capaz de colocar múltiplos sinais em um único cabo, o que encaminha os dados de A até B em paralelo. Quando estão juntos, os sete canais de 200 Gbps conseguem formar um supercanal com a velocidade de 1,4 Tbps com uma infraestrutura entre a TorreBT, em Londres, e um campus de pesquisa da BT em Suffolk.

Para se ter uma ideia, com essa velocidade seria possível assistir a 64 horas de Netflix em HD, 38 horas em 3D ou 4k ou escutar mais de 36 mil músicas no Spotify. A possibilidade de gerar uma conexão ultra-veloz é bastante otimista, principalmente porque o sistema poderia funcionar em uma fibra ótica já instalada.

Via Gizmodo

Comente