Opinião

Para tirar seu projeto do papel

ideias ft img

Confira cinco passos para viabilizar sua ideia de negócio digital e ser um empreendedor de sucesso

Por Felipe Pereira*

Você tem uma ideia de negócio digital e não sabe por onde começar? Aqui vai alguma ajuda.

Muitas pessoas têm idéias para negócios digitais, mas não sabem como tirá-las do papel. Dar primeiro passo parece ser assustador, principalmente para um empreendedor cheio de perguntas sem respostas.  A primeira dica é: corra. Apenas a ideia no mundo do empreendedorismo digital não vale muita coisa. O mundo está cheio de novos projetos, mas eles só valem mesmo quando são colocados em prática. Sua ideia só começa a valer depois que você a coloca em prática, e começa em um processo que chamamos de validação.

“Mas o que é preciso para validar uma ideia?”. Bem, há cinco pontos importantes que ajudam nesse processo que deverão ser consideradas. O primeiro passo é montar uma equipe. Procure por pessoas que consigam te ajudar a colocar a sua ideia em prática, ou seja, monte um time para tirar sua ideia do papel e colocá-la para funcionar na internet. Existem vários papéis que devem ser preenchidos para que o seu negócio vá para frente. Seu negócio vai precisar de pessoas que entendam de gestão e de marketing, tecnologia e design. Esses são perfis normalmente necessários para colocar tudo funcionando. Ressalto que é importante ter uma equipe complementar. Não adianta você contar com várias pessoas com o perfil muito parecido com o seu, é preciso que sejam pessoas diferentes e dispostas a agregar diferentes valores ao seu projeto.

O segundo passo é estudar a real viabilidade da sua ideia: ela resolve um problema real do seu cliente? Existe mercado para esse novo negócio? Existem pessoas que tem um problema real que vai ser resolvido pela sua solução ou será que você está inventando um problema que na verdade não existe, a priori, para sua solução resolver? É muito importante analisar todos esses pontos e ver como sua solução pode se ajustar a esse contexto.

O terceiro passo que destaco é a análise da concorrência. Será que já existem outras soluções? As outras soluções já resolvem esse problema da mesma forma que a sua solução ou de uma forma até mais interessante (ou não)? Não estou dizendo que você só deve escolher um negócio para o qual não haja concorrência, mas sim que evite propor uma solução para um problema para o qual já existem vários concorrentes no mercado que estão resolvendo esse problema de uma forma competente e interessante. Seja diferente e mostre valor aos clientes.

O quarto passo é verificar se você possui recursos para produzir o negócio. A ideia deve ser viável, inclusive do ponto de vista técnico. É necessário haver tecnologia, recursos financeiros e equipe para produzir o que você deseja.

O quinto passo é pesquisar os impedimentos e restrições legais – ou seja, a parte burocrática. É preciso ter atenção com o controle governamental. Não adianta ter uma solução interessante, sem concorrência, com consumidores em potencial, fácil de implementar e viável do ponto de vista financeiro se existem leis do governo que restringem de alguma forma a implementação do negócio. Isso é um ponto determinante na validação da ideia e permeia todo esse processo.

 *Felipe é mestre em administração, especialista em negócios digitais e criador do Digaí.

Comente