Geral

Usuários ainda resistem aos serviços de assinatura online

Netflix_PR_UI_WEB_RegDarwin_OutofDevice_US

43% dos brasileiros acreditam que não se paga pelo o valor que ele realmente vale, segundo dados da Worldpay

Netflix, Spotify, Apple Music e Amazon Prime. Os serviços de assinatura online estão cada vez mais populares. Entretanto, 34% dos brasileiros afirmam que não estão dispostos a assinar esse tipo de recurso. O principal motivo é a preocupação com custo-benefício, cancelamento e segurança dos dados cadastrados. As informações são do relatório Future of Digital Payments (O Futuro do Pagamento Digital), da WorldPay, provedora global de serviços de pagamento e gestão de risco.

O estudo ainda aponta que 43% dos brasileiros acredita que o valor cobrado pelos serviços não corresponde ao que eles realmente valem.“Assinaturas online de TV, música e filmes são atualmente muito populares e seus ávidos consumidores podem se surpreender em saber que o valor pago está sendo questionado. Vale reforçar que este tipo de assinatura só é realmente válido no longo prazo se de fato as pessoas estiverem, por exemplo, assistindo muitos filmes e temporadas de séries todo mês”, destaca Juan D’Antiochia, gerente geral para América Latina da Worldpay.

O mercado de assinatura streaming sob demanda está cada vez mais maduro, e começa a oferecer modelos de mais flexíveis. O Spotify, por exemplo, conta com planos individuais e para a família. A tendência é de que esses serviços comecem a disponibilizar novas opções de pacotes para conquistar diferentes tipos de público.

O relatório Future of Digital Payments entrevistou 7.069 consumidores no Reino Unido, Alemanha, Estados Unidos, China, Índia e Brasil entre julho e agosto deste ano, com apoio da Morar Consulting. Dentre os principais resultados da pesquisa no Brasil, destacam-se:

– 62% dos consumidores só querem pagar pelo que realmente usam

– 42% afirmam que serviços de assinatura podem dificultar o seu controle de gastos

– 40% dos entrevistados que se tornaram assinantes cancelaram o serviço em seis meses

– 43% acreditam que serviços de assinatura apresentam custo-benefício ruim – a mais alta – proporção nos mercados pesquisados

– 26% se preocupam com a segurança de seus dados ao criar uma conta com assinatura contínua versus uma de pagamento único

Comente